O que é o "corbã" mencionado em Mc. 7,11?

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Conforme explicado em Marcos 7,11, “corbã” é “uma dádiva dedicada a Deus”. A palavra grega aqui traduzida “corbã” é korbán, o equivalente da palavra hebraica qorbán, que significa uma oferta. Qorbán é usada em Levítico e em Números, e aplica-se tanto às ofertas com sangue como às exangues. (Le 1,2-3; 2,1; Núm 5,15; 6,14-21) Esta palavra hebraica é também usada em Ezequiel 20,28 e 40,43. Aparentada com a palavra grega korbán é korbanás, que aparece em Mateus 27,6, onde se relata que os principais sacerdotes disseram que seria ilícito tomar o dinheiro de traição, que Judas havia lançado dentro do templo, e deitar estas peças de prata “no tesouro sagrado [uma forma de korbanás]”, porque eram “o preço de sangue”.

Na época do ministério de Jesus Cristo na terra, já se desenvolvera uma prática condenável com relação a dádivas dedicadas a Deus. Neste respeito, Jesus denunciou os fariseus como hipócritas, porque punham as suas próprias tradições à frente da lei de Deus. Professando resguardar para Deus aquilo que havia sido declarado “corbã”, eles desconsideravam o requisito divino de honrar os pais. (Mt 15,3-6) Alguém talvez simplesmente dissesse: ‘Seja corbã’, ou: ‘Isto é corbã’, a respeito da sua propriedade ou de parte dela. Os fariseus daquela época ensinavam que, uma vez que alguém tivesse declarado seus bens como “corbã”, ou uma dádiva dedicada a Deus, ele não podia usá-los para satisfazer as necessidades de seus pais, não importando quão necessitados eles estivessem, embora ele mesmo pudesse usufruir esses bens até a sua própria morte, se quisesse fazer isso. Assim, embora esses fariseus professassem honrar a Deus, seu coração não estava em harmonia com os requisitos justos dele. — Mr 7,9-13.
O historiador Josefo associou “corbã” com pessoas, declarando: “Aqueles que se descrevem como ‘Corbã’ para Deus — significando o que os gregos chamariam de ‘dádiva’ — quando se querem livrar desta obrigação, têm de pagar um preço estipulado aos sacerdotes.” (Jewish Antiquities [Antiguidades Judaicas], IV, 73 [iv, 4]) Todavia, o termo “corbã” era geralmente aplicado mais à propriedade dedicada como dádiva a Deus.

Extraído de Enciclopédia Bíblica

0 comentários:

Postar um comentário